Exclusivo Unidade

15.05.2024

Centenário do Colégio Externato: o Grupo Educacional Bom Jesus faz parte dessa história de amor

link copiado
Centenário do Colégio Externato: o Grupo Educacional Bom Jesus faz parte dessa história de amor

O Colégio Externato, de Pindamonhangaba (SP), completou 100 anos neste mês de maio. Um século de muita dedicação à educação e também de grande evolução para o aprendizado de alunos e profissionais que já passaram pela unidade nesses 100 anos de existência. O Externato foi fundado em 1924 na cidade de Pindamonhangaba. Desde 2012, passou a fazer parte do Grupo Educacional Bom Jesus e a se chamar Colégio Bom Jesus Externato. A instituição tem dedicado seus esforços para desenvolver o potencial de cada aluno, valorizando a formação integral de cidadãos preparados para a construção de uma sociedade mais justa e fraterna. 

As boas lembranças vêm à mente de uma das gestoras mais antigas do Externato São José, Terezinha Zenita Novaes Braga Schmidt. Dona Terezinha, como é mais conhecida, trabalhou no colégio durante 20 anos. Hoje, aos 90 anos de idade, ela se recorda das mudanças na parte física, nas acomodações, mas principalmente nos alunos. “Eles eram muito respeitadores”, menciona. Muito mais do que lembranças, Dona Terezinha faz questão de abrilhantar o trabalho dos funcionários e professores da época em que atuou no Externato. E também dos que vieram depois de sua gestão. 

“Era uma fase de muita luta, em que os secretários e coordenadores da escola tiveram um papel muito importante, que culminou no que o colégio é hoje: base da educação religiosa e pedagógica. Foram os professores e funcionários que fizeram do Externato uma escola maravilhosa”, ressalta Dona Terezinha. Para ela, o Externato representa hoje uma referência para a cidade. “A maior parte da nossa juventude de Pindamonhangaba estudou no Externato. Temos muito orgulho disso”, diz. Muitas autoridades na cidade e em nível nacional, bem como médicos e outros profissionais, estudaram no Externato, como Geraldo Alckmin, vice-presidente do Brasil e ex-governador de São Paulo, por exemplo.

A atual gestora do Colégio Bom Jesus Externato, Alessandra Padilha Cesar Openheimer da Silva, ressalta os diferenciais da unidade e a excelência no ensino, pautada pelos valores franciscanos. “O Colégio Bom Jesus Externato traz à cidade de Pindamonhangaba um diferencial de trabalho, voltado não apenas para a formação acadêmica dos alunos, mas também para a formação de valores, virtudes  e atitudes que preparam os alunos para serem cidadãos confiantes e atuantes em nossa sociedade por meio da Amorografia”, ressalta Alessandra.

A Amorografia faz parte do dia a dia da comunidade do Grupo Educacional Bom Jesus, seja nos 38 colégios espalhados por cinco estados brasileiros, nos campi da FAE e FAE Business School (em Curitiba e São José dos Pinhais, no Paraná, e também em Blumenau, em Santa Catarina) ou nos tantos projetos voltados ao desenvolvimento da sociedade. A Amorografia tem como base o amor como caminho para a transformação bem como empatia, acolhimento, justiça e alegria.

Alessandra iniciou seu trabalho no Externato há 19 anos. Na época, lembra-se, o Colégio era chamado de Externato São José. “Eu comecei na unidade como professora de Ciências do Ensino Fundamental, séries finais. E é com grande honra que dou continuidade agora, à frente do Externato, levando à comunidade de Pindamonhangaba os valores franciscanos já trabalhados pelas Irmãs Franciscanas Seráficas e atualmente pelos freis responsáveis pelo  Grupo Educacional Bom Jesus”, afirma Alessandra, que ainda lembra do amor, do respeito e da responsabilidade de todos os funcionários que se empenham todos os dias por uma educação de qualidade e excelência. “Hoje, temos uma educação mais desafiadora, mas que conseguimos repassar aos nossos alunos com muito trabalho, empenho e dedicação”, completa Alessandra.

Além da Amorografia, que prima pela busca dessa excelência todos os dias, outro projeto desenvolvido no Colégio é o “Virtudes e Atitudes”, que em 2024 completa 21 anos. Essa iniciativa insere alunos, familiares, professores e sociedade em uma partilha de conhecimento e consciência de responsabilidade social. A cada série, os professores trabalham uma virtude com seus alunos, sendo 13 as principais: amor, confiança, diálogo, disciplina, fraternidade, gratidão, humildade, perseverança, prudência, respeito, sabedoria, solidariedade e união.

Há também o projeto Bom Jesus Social, que tem como objetivo principal educar para o humanismo solidário; formar profissionais comprometidos com o meio social em que estão inseridos e contribuir para uma constante interação entre a teoria e a prática.

História

Pode-se dizer que o processo para a instalação do Colégio Externato iniciou em 1921, quando quatro Irmãs Franciscanas da Terceira Ordem Seráfica chegaram em Aparecida do Norte (SP), oriundas da Alemanha. Depois, seguiram para o estado de Goiás. Mas em 1924, as quatro Irmãs (Maria Bonifácia Vordemayer, Maria Dionysia Seidl, Maria Tadéa Schnsbreinther e Maria Leonarda Ganghofer) foram para Pindamonhangaba para abrir uma Escola de Jardim de Infância e Trabalhos Manuais. Era o dia 2 de junho de 1924. 

“Logo foram acolhidas pela população de Pindamonhangaba, pois trouxeram muito amor no trabalho que desenvolviam”, recorda-se a Irmã Benedita de Fátima Oliveira, mais conhecida como Irmã Fátima, iniciou suas atividades na Congregação há 40 anos.

A Irmã Fátima chegou a morar no Externato e trabalhou na Educação Infantil - chamada naquele período de Jardim de Infância. Iniciou com apenas 70 alunos, da pré-escola ao Ensino Médio e Supletivo. “Com a expansão do ensino e o aumento dos alunos, a Pré Escola (ou Jardim da Infância), também chamados carinhosamente de Externatinho, passou a funcionar em espaço separado dos alunos do Ensino Fundamental e Médio, também chamado carinhosamente pelos alunos de Externatão”, conta a Irmã Fátima. 

O Supletivo, conta ela, funcionava no período noturno, no Externatão. O nome Externato São José foi dado pela devoção das Irmãs ao Santo Patrono da Igreja, Pai adotivo e Educador do Menino Jesus. Hoje são 424 alunos, atendendo a uma cidade com cerca de 165 mil habitantes (IBGE - 2021). 

Mas o que mudou de lá para cá? Segundo a Irmã Fátima a transformação foi gradativa, mas intensa. “Naquela época nós já dedicávamos à Vida Consagrada, porém, mais na área da educação escolar. A partir de 2012 foi possível assumir outros apostolados como na área pastoral e social.”, conta. 

Educação  humanista e solidária há 128 anos

O Colégio Bom Jesus, uma das marcas do Grupo Educacional Bom Jesus, vem reforçando a missão de construir uma educação integral, humanista e solidária, em ambientes emocionalmente saudáveis, há 128 anos. Neste ano, no dia 11 de maio, o Colégio como um todo também fez aniversário, juntamente com os 100 anos do Externato.

O Grupo Educacional Bom Jesus atende diretamente cerca de 30 mil alunos da educação básica ao ensino superior (com a FAE Centro Universitário, que está presente no Paraná e em Santa Catarina, e com os colégios, localizados em cinco estados brasileiros). São cerca de 4 mil funcionários.

 

AGENDAR UMA VISITA